sexta-feira, 22 de maio de 2009

O samba legal de Juliana Ribeiro

Para Juliana Ribeiro

samba de roda
na quadra
roda de samba

Em Dezembro do ano passado vi Juliana lá na Varanda do Teatro Sesi Rio Vermelho. Foi sensacional! Fiquei encantada com a baiana, cantora, compositora, historiadora, sambista inspirada em Clementina de Jesus.
Na sexta-feira passada, fui ao lançamento do EP no Teatro Sesi, mas cheguei bem tarde. No fim do fim. Well, well, well... na saída do teatro, vi muita gente com sorriso largo na cara, fãs falantes fazendo comentários fortes. Ouvi um rapaz falar: “Ela é boa!” Uma senhora disse: "Show muuuito bom, muuuito bom!".
Pois é, Juliana é show de samba! Sua bela voz canta histórias do samba e encanta a noite soteropolitana.
A primeira canção do EP, beira de maré, é o meu samba favorito. Uma das coisas que mais gosto nesse samba é o barulho do mar, bem no começo, antes da linda voz de Juliana entrar. Outra coisa que me seduz, já no finalzinho, é a entrada dos rapazes. É lindo!
Queria que tocasse aqui, mas não sei como fazer um upload de som. Já segui os steps de Roney, mas não deu certo. Achei um video no youtube com duas músicas. A primeira é lamento das lavadeiras... beira de maré só começa aos 03:05 min.
A letra é marromeno assim:
beira de maré
Juliana Ribeiro e Tito Fukumaga

beira de mar
beira de maré
maré sem fim
beira de mar
beira de maré
maré sem fim

abre a porta da licença me apresento por aqui
abre a porta da licença me apresento por aqui

vim de longe eu não sou daqui
de outros mares eu vim
da lua fui companheira
...
beira de mar
...
maré sem fim

pelo mar vou navegando do jeito que eu vou eu vim
mas pelo mar vou navegando do jeito que eu vou eu vim

na alma trouxe meu canto meu verso meu patuá
atracando nesta areia histórias eu vim contar
a lua branca me ouvindo calada me contemplar
a lua branca me ouvindo calada me contemplar

vou me embora vou me embora
tão cedo não volto aqui
eu vou me embora vou me embora
tão cedo não volto aqui

vou seguindo o meu caminho
meu destino é navegar
baías e enseadas moradas de Yemanjá
confesso não me despeço prefiro me retirar
confesso não me despeço prefiro me retirar

beira de mar
beira de maré
maré sem fim
beira de mar
beira de maré
maré sem fim

vou me embora vou me embora
do jeito que eu vou eu vim
eu vou me embora vou me embora
do jeito que eu vou eu vim

eu vim da Bahia cantar
cantar coisa bonita que tem lá no mar
eu vim da Bahia cantar
cantar coisa bonita que tem lá no mar

lá no mar
ó mãe
lá no mar que é morada de mãe Yemanjá
com a alma meu canto meu patuá
eu vim da Bahia pra cantar
maré sem fim

beira de mar
beira de maré
maré sem fim

Seus companheiros de show são:
Cássio Nobre - viola e violão de sete cordas
Geovana Franco - banjo e cavaquinho
Tito Fukunaga - flauta
Alan São Ricardo e Ricardo Hardmann - percussão
P.S.: Aqui tem um outro sambinha muuuito legal também, “saudade”.


Espaço de Juliana Ribeiro:

beira de maré só começa aos 03:05 min.

6 comentários:

rm disse...

É fácil, Beth.

Basta procurar a música em sites especializados (tipo goear.com) e copiar o código para importar o player com a música.

Se não encontrar a música, então deverá se inscrever num desses sites, "subir" a música em formato mp3 e repetir o processo acima descrito...

Sobre a cantora: toda baiana tem um jeito...

Maria Elisabeth disse...

rm,
eu cheguei atrasada no show de Juliana, mas comprei o CD, cara. Tenho a música aqui comigo. E aí? como faço o upload?

Desculpa a lentidão, cabra safado!

Maria Elisabeth disse...

rm,
segui todos os steps que vc me deu. Esbarrei aqui e ali e
tudo que eu entendi foi:
[(nada de nada) X (nada + nada ao quadrado) X (100,000 tons of nothing) + (2 – 2) X (zero X one) + (0 - 0)+ (0,5673 - 0,5673] de emipitriiiiiiisis.

he he he he.

rm disse...

Putz, baiana loirinha! rss

Mande-me a música por mail e eu faço o up no site. Aí é só você copiar o código...

Juliana Ribeiro disse...

Olá Beth, como vai?

É Juliana Ribeiro

Fiquei muito lisongeada com o que li na sua página,obrigada pelas palavras sinceras. Realmente o som de mar é tudo de bom, pena que nao entrou no show, pois no espetáculo este som também acontece.
Farei a 2a. temporada de lançamento do EP no Teatro Gamboa Nova , domingos de agosto, pois os ingressos se esgotaram rapidamente.
Dessa vez vc entra! rsrsrs

beijos

Juliana Ribeiro

Maria Elisabeth disse...

Oi Juliana,

Que legal que vc apareceu por aqui. Fico feliz em saber que vc gostou do post.

Teatro Gamboa Nova, domingos de agosto. Vou entrar mesmo!

Beijos e muuuutio sucesso!